dengue
titas
relação perigosa
Mulher morre em motel após cinco horas de sexo sem interrupção
A polícia descobriu, que a vítima e o parceiro usaram drogas para prolongar a relação sexual.
21/03/2019 18h47
Por: Redacao
Fonte: NX1
2.075
ilustração
ilustração
Uma mulher de 32 anos morreu em um motel de Cáli (Colômbia) após passar mal depois de cinco horas de "sexo intenso" sem interrupção.
 
A vítima, que não foi identificada e que tinha o apelido de 'A Fera', sofreu um ataque cardíaco. O parceiro, também sem nome divulgado, chamou o serviço de emergência.
 
Porém, como o socorro demorou a chegar, o homem levou a parceira à emergência de um hospital universitário. Mas os médicos nada puderam fazer, já que a colombiana já chegou morta.
 
A polícia descobriu, segundo o jornal "La República", que A Fera e o parceiro usaram drogas para prolongar a relação sexual.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Site desenvolvido pela Lenium