Domingo, 01 de Agosto de 2021 08:57
Dólar comercial R$ 5,21 2.57%
Euro R$ 6,18 +2.34%
Peso Argentino R$ 0,05 +2.46%
Bitcoin R$ 230.206,49 +1.895%
Bovespa 121.800,79 pontos -3.08%
Economia economia

Reinaldo Azambuja antecipa metade do 13º salário dos servidores

Reinaldo Azambuja antecipa metade do 13º salário dos servidores

28/06/2021 14h25 Atualizada há 1 mês
527
Por: REDAÇÃO Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul

Cerca de 79 mil servidores estaduais de Mato Grosso do Sul, entre ativos e inativos, vão receber metade do 13º salário de 2021 na próxima sexta-feira, dia 2 de julho. Anunciada pelo governador Reinaldo Azambuja, a medida faz parte de um plano de recuperação econômica chamado “Retomada MS”, lançado nesta segunda-feira (28) para mitigar os efeitos da pandemia de covid-19 na economia. 

“Dentro desse pacote de estímulos aos setores mais afetados, como cultura, turismo, bares e restaurantes, há a antecipação do 13° salário dos servidores para atender o funcionalismo e fortalecer o comércio. Essa antecipação é fundamental, pois significa mais dinheiro circulando na nossa economia”, explicou o governador Reinaldo Azambuja.

A folha extra de pagamentos vai injetar R$ 250 milhões na economia. Segundo o governador, a antecipação do 13º salário será feita no dia 2 de julho, mesma data de pagamento dos salários de junho do funcionalismo público estadual.

Governador assina decreto que antecipa o pagamento de metade do 13º salário

Retomada MS

Ao todo, o pacote de recuperação econômica lançado pelo Governo do Estado nesta segunda-feira é de R$ 763  milhões, contemplando os setores do turismo, bares e restaurantes, cultura e assistência social. Entre as medidas estão o pagamento de auxílio emergencial para profissionais do turismo, isenção de ICMS para bares e restaurantes, isenção de IPVA para veículos do segmento, auxílio para agentes de cultura e pagamento de benefícios sociais.

“Esse é um passo importante para ajudar a recuperar todas empresas e pessoas que de alguma forma sentiram os efeitos econômicos da pandemia e os efeitos sociais. Nós temos um contingente muito grande de pessoas que estão marginalizadas do ponto de vista econômico. E nós temos que estender a mão. Apoiar para poder resgatar a atividade dessas pessoas na normalidade da nossa economia”, afirmou o secretário Eduardo Riedel, da Seinfra (Secretaria de Infraestrutura), ao anunciar o lançamento do plano.

Também participaram do lançamento do plano econômico os presidentes do TJMS (Tribunal de Justiça do Estado), Carlos Eduardo Contar, da Assembleia Legislativa, deputado estadual Paulo Corrêa, e do MPMS (Ministério Público Estadual), procurar-geral de Justiça, Alexandre Magno; a defensora pública-geral de MS, Patrícia Elias Cozzolino de Oliveira; e o presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de MS), prefeito Valdir Júnior, de Nioaque. Além deles, os secretários estaduais Jaime Verruck (Desenvolvimento Econômico), Sérgio de Paula (Casa Civil), Sérgio Murilo (Governo e Gestão Estratégica), Ana Nardes (Administração e Desburocratização), Elisa Cleia Nobre (Assistência Social), João César Mattogrosso (Cidadania e Cultura) e Geraldo Resende (Saúde).

Bruno Chaves, Subcom
Fotos: Chico Ribeiro

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Vicentina - MS
Atualizado às 09h46 - Fonte: Climatempo
18°
Muitas nuvens

Mín. 13° Máx. 24°

18° Sensação
23.2 km/h Vento
35.9% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (02/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 12° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Terça (03/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 12° Máx. 29°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias