dengue
tv1
EDUCAÇÃO

Seleção de professores contratados no Estado fica mais rigorosa e terá prova

Atualmente docentes fazem apenas um cadastro no site da Secretaria de Educação.

24/10/2019 17h23Atualizado há 4 semanas
Por: Redacao
Fonte: RICARDO CAMPOS JR./ CORREIO DO ESTADO
2.090
Secretaria de Educação fará prova para selecionar professores contratados - Foto: Arquivo/Correio do Estado
Secretaria de Educação fará prova para selecionar professores contratados - Foto: Arquivo/Correio do Estado

Professores que pretendem trabalhar como contratados no sistema de educação estadual já podem começar a estudar, porque a partir de agora a seleção vai ter prova e análise curricular. A mudança foi publicada na edição desta quinta-feira (24) no Diário Oficial. Atualmente os docentes fazem apenas um cadastro no sistema do governo.

As novas regras não valem para projetos pedagógicos. Elas determinam que os aprovados vão fazer parte de um banco de reservas e serão chamados segundo a necessidade do poder público. Não poderá dar aulas quem não estiver nessa lista, alerta o decreto normativo.

Poderão participar da prova quaisquer profissionais habilitados em cursos de licenciatura que preencham os requisitos constitucionais e legais, inclusive os que já são concursados. Conforme o texto, os professores convocados poderão trabalhar até 40 horas semanais. Para os efetivos, a soma entre as carga horária atual e a extra não poderá passar de 50 horas semanais.

A lista do banco de reserva vale por dois anos e também poderá ser usada em caso de substituição dos docentes que se afastarem por mais de três dias. O contrato de quem for chamado pode durar até dois anos. Quando esse tempo acabar, o professor deverá fazer a prova novamente.

Serão considerados aprovados os candidatos que tiverem pelo menos 60% de aproveitamento no teste. A fase curricular terá caráter meramente classificatório. O Estado pode dispensar a avaliação escrita somente em caso de emergência, calamidade pública ou força maior.

Esgotado o banco reserva de determinado município, e caso haja necessidade de designação de profissional temporário, poderão ser atribuídas aulas temporárias para profissional de áreas afins que também esteja na lista.

Para saber mais sobre as regas, acesse a norma completa a partir da página 3 do Diário Oficial.

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
telefome uteis
dourados agora
anuncie aqui
Municípios
Últimas notícias
donadela
Mais lidas
preto